Menu
Busca terça, 22 de junho de 2021
(67) 99874-0557
Campanha Estapi Art 01 super banner
TECNOLOGIA

Governo, ciência e setor produtivo se reúnem para estimular a inovação na cadeia do biodiesel

Congresso reúne especialistas sobre biodiesel, combustível que utiliza fontes renováveis como o óleo de girassol

04 novembro 2019 - 14h01Por Embrapa*

O VII Congresso da Rede Brasileira de Tecnologia e Inovação de Biodiesel começa nesta segunda-feira, 4 de novembro, em Florianópolis (SC).  Mais de 500 participantes estão inscritos no evento, que reúne, até o próximo dia 7, representantes do governo, cientistas, estudantes, produtores, empresários e startups na discussão de oportunidades e soluções para os principais problemas que envolvem o setor. O Congresso é uma realização do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) e da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa).

continua depois da publicidade
JA Training

Ao todo, 615 resumos técnicos-científicos foram submetidos em temas que incluem matérias-primas para produção; hidrocarbonetos renováveis e bioquerosene;  caracterização e controle de qualidade do produto; armazenamento, estabilidade e problemas associados; co-produtos e bioprodutos, além de políticas públicas e desenvolvimento sustentável. 

O ambiente e toda a programação do Congresso foram pensados de forma a estimular a inovação na cadeia do biodiesel. O “Grand Prix de Inovação em Biodiesel”, novidade organizada pelo Senai de Santa Catarina, por exemplo, conta com equipes multidisciplinares que trabalharão desafios da cadeia. O desenvolvimento de protótipos e projetos inovadores são esperados. A largada da “corrida” está marcada para as 14 horas deste primeiro dia do evento.

Também nesta segunda-feira, 4, será lançada a Agenda de Inovação da Cadeia Produtiva de Biodiesel, com palestra do presidente da Câmara Setorial da Cadeia Produtiva de Oleaginosas e Biodiesel, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa).  

Uma rodada de inovação e negócios, promovida pela Embrapa Agroenergia (DF) em parceria com o Serviço Brasileiro de Apoio às Pequenas e Micro Empresas (Sebrae), também com o objetivo de incentivar a inovação aberta, aproximando a pesquisa das empresas interessadas em formar parcerias, ocorrerá às 17h30 do dia 5 de novembro.

“Queremos sair do modelo tradicional da discussão de temas amplos e focar nos problemas e soluções para o desenvolvimento competitivo  e sustentável do setor de biodiesel no Brasil”, afirma Bruno Laviola, pesquisador da Embrapa à frente da organização do Congresso.

Bioeconomia

A produção de biodiesel insere-se no contexto da bioeconomia, modelo de produção industrial baseado no uso de recursos biológicos, área em franca expansão no Brasil e no mundo. Dados da Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OECD) apontam que o  setor movimenta no mercado mundial cerca de 2 trilhões de Euros e gera cerca de 22 milhões de empregos. O Brasil tem forte potencial para ser protagonista nesse campo, especialmente pela exploração sustentável e racional da sua megabiodiversidade.

*Fonte: Embrapa

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAFRA 2021/22
Ministério da Agricultura lança plano safra 2021/22 nesta terça-feira (22)
MERCADO INTERNACIONAL
Exportações de carne suína de Mato Grosso do Sul crescem 131% em 2021
ECONOMIA
Exportações do agronegócio de MS crescem 12% e passam de US$ 2,6 bilhões
ANÁLISE CEPEA
Com baixa oferta de animais em peso de abate, preço do suíno vivo sobe
SUA LAVOURA MERECE!
Com 517 cv, Fendt 1000 Vario esbanja tecnologia e é considerado o maior trator monobloco do mundo
BIOTECNOLOGIA
Região Sul-Fronteira de MS é a que mais se dedica ao manejo biológico da soja
70 ANOS!
Eduardo Riedel confirma apresentação nos 70 anos do SRCG
ANÁLISE CEPEA
Alta externa eleva movimentação de soja nos portos brasileiros
MADEIRA
Com grande reserva de madeira, MS tem potencial de exportação para gigantes da celulose
RECURSOS HÍDRICOS
MS mantém destaque nacional no cumprimento de metas da ANA na gestão de recursos hídricos