Menu
Busca domingo, 13 de junho de 2021
(67) 99874-0557
Programa de fidelização banner 03
RELAÇÕES INTERNACIONAIS

Ministra confirma viagem a quatro países árabes para incrementar relações comerciais

Em setembro, a comitiva brasileira passará por Egito, Arábia Saudita, Kuwait e Emirados Árabes

27 agosto 2019 - 16h15Por MAPA*

A ministra Tereza Cristina (Agricultura, Pecuária e Abastecimento) confirmou nesta segunda-feira (26) a primeira viagem a quatro países árabes em setembro. De 14 a 23 do próximo mês, a comitiva brasileira passará por Egito, Arábia Saudita, Kuwait e Emirados Árabes. Um dos objetivos é incrementar as relações comerciais.

continua depois da publicidade
A DE ABELHA - ALFABETIZAÇÃO 02
continua depois da publicidade
Campanha Estampi Art 01 Square Banner

“O Brasil tem condições de ampliar o fornecimento de diversos produtos agrícolas já importados pela Liga Árabe, mas que ainda tem representação ínfima na pauta de exportação brasileira para seus países. É como o caso do algodão, cacau e das frutas secas ou frescas, como goiaba, manga e limão”, disse a ministra, em palestra sobre a importância dos países árabes para a agricultura brasileira, na Câmara de Comércio Árabe-Brasileira, em São Paulo. Segundo Tereza Cristina, a relação comercial movimenta US$ 20 bilhões, dos quais cerca de 70% provenientes de produtos agropecuários. 

De acordo com a ministra, o Brasil está familiarizado com as exigências dos mercados árabes. “Os seus consumidores conhecem e aprovam os nossos produtos. E orgulhamo-nos de ser hoje um dos maiores exportadores de proteína halal de todo o mundo”.

O presidente da Câmara de Comércio, Rubens Hannun, informou que estão sendo desenvolvidos estudos para ampliar o comércio entre Brasil e a Liga Árabe, tornando uma "parceria estratégica". Ele citou que estão previstos dois seminários entre os países: um sobre segurança alimentar, que será realizado em dezembro deste ano, nos Emirados Árabes; e outro sobre logística, em 2020, no Egito. 

Europa

Tereza Cristina também confirmou a presença na Anuga, que é uma feira mundial do setor de alimentos e bebidas, que acontecerá em outubro, na cidade de Colônia, na Alemanha. Na ocasião, ela deverá se reunir com empresários alemães e com a ministra da Agricultura da Alemanha, Julia Klöckner.

“Temos vários convênios que já estão sendo tratados entre o Ministério da Agricultura brasileiro e o ministério da Agricultura alemão", ressaltou. Ela também disse que irá a Genebra, participar de reunião na Organização Mundial do Comércio (OMC).

*Fonte: MAPA

Deixe seu Comentário

Leia Também

ANÁLISE CEPEA
Com baixa oferta de animais em peso de abate, preço do suíno vivo sobe
SUA LAVOURA MERECE!
Com 517 cv, Fendt 1000 Vario esbanja tecnologia e é considerado o maior trator monobloco do mundo
BIOTECNOLOGIA
Região Sul-Fronteira de MS é a que mais se dedica ao manejo biológico da soja
70 ANOS!
Eduardo Riedel confirma apresentação nos 70 anos do SRCG
ANÁLISE CEPEA
Alta externa eleva movimentação de soja nos portos brasileiros
MADEIRA
Com grande reserva de madeira, MS tem potencial de exportação para gigantes da celulose
RECURSOS HÍDRICOS
MS mantém destaque nacional no cumprimento de metas da ANA na gestão de recursos hídricos
ENERGIA
Semagro entrega licença de operação para usina inédita movida a biomassa de eucaliptos
TECNOLOGIA
Sem tratamento antifúngico adequado, pecuarista pode perder até um terço da silagem
ECONOMIA
Valor da Produção Agropecuária de 2021 deve ser 12,4% maior que o do ano passado