Menu
Busca sábado, 06 de março de 2021
(67) 99874-0557
Campanha Estapi Art 01 super banner
SAFRA 19/20

Iagro alerta produtores para obrigatoriedade do cadastro da área onde será plantada soja em MS

Cadastro auxilia agência com as medidas fitossanitárias de controle da ferrugem asiática no Estado

06 setembro 2019 - 17h06Por *Iagro

Desde o dia 1º de setembro, encontra-se aberto no sistema da Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal (IAGRO) o período para registro das áreas onde os produtores de Mato Grosso do Sul farão o cultivo da soja na safra 2019/2020. O cadastro é obrigatório e deve ser realizado exclusivamente pela internet no site da agência (http://www.servicos.iagro.ms.gov.br/plantio) até o dia 10 de janeiro de 2020.

continua depois da publicidade
Programa de fidelização banner 02

Segundo o engenheiro agrônomo Filipe Portocarrero Petelinkar, Fiscal Estadual Agropecuário da Divisão de Defesa Sanitária Vegetal da IAGRO, a ação é pré-requisito para a implementação das medidas de Defesa Sanitária Vegetal em Mato Grosso do Sul.

A expectativa é de que nesta safra Mato Grosso do Sul tenha incremento na área cultivada com soja em relação à safra 18/19, considerando a expansão da área plantada com a leguminosa para áreas antes cultivadas com cana-de-açúcar e pastagens. Hoje o Estado ocupa a 5ª posição no ranking nacional de produção de soja em grão e o 6º lugar em exportação, com participação de 26,8% na produção brasileira de soja na última safra, segundo a Aprosoja.

O alerta da IAGRO vai também para as sanções que podem ocorrer caso os produtores não façam o cadastro. ”Quem não atualizar os dados ou não se cadastrar pode, conforme lei, pagar multa de 100 UFERMS, o que esperamos que não aconteça com nenhum produtor” explica Filipe.

Segundo ele, o maior conhecimento sobre a importância deste trabalho tem consolidado a parceria entre Estado e o setor produtivo, haja vista o Termo de Cooperação Técnica firmado entre IAGRO e APROSOJA MS no último mês de junho, visando melhoria na troca de informações e maior divulgação das medidas fitossanitárias pelas duas entidades.

“A medida é protetiva. Precisamos saber quais propriedades estão plantando soja para monitorar e evitar grandes problemas com a sanidade vegetal”, reforçou o agrônomo lembrando a importância dos dados para o serviço defesa sanitária vegetal.

Semeadura

Conforme dispõe a Lei Estadual 5.025/2017, os produtores devem cumprir a janela de semeadura para a cultura da soja, plantando entre os dias 16/09 e 31/12/2019. Além de respeitar a nova determinação de não plantar soja sobre soja, soja segunda safra ou soja safrinha no Estado de Mato Grosso do Sul.

*Fonte: Iagro

Deixe seu Comentário

Leia Também

BOLETIM DO SUÍNO
Cotações do suíno vivo caem em janeiro, enquanto valores dos principais insumos da atividade sobe
INTERNACIONAL
Chamada pública conjunta entre Brasil e Alemanha recebe propostas de projetos de bioeconomia
ANÁLISE CEPEA
Exportações de carne suína recuam em janeiro de 2021
MERCADO DO BEZERRO
Indicador do bezerro, em Mato Grosso do Sul, valoriza 60,6% em 12 meses
COLHEITA DA SOJA
Com atraso, agricultores de MS começam a colheita
EVOLUÇÃO
MS registra o 2º maior crescimento de produção de grãos do País, aponta a Conab
MERCADO DO BOI
Importação de gado vivo do Paraguai preocupa criadores de MS
ECONOMIA
Petrobras aumenta preço da gasolina em cerca de 8% nas refinarias
ECONOMIA
Mercado financeiro aumenta projeção da inflação para 3,60%
OPORTUNIDADE!
Agência Rural lança programa de fidelização de anunciantes