Menu
Busca segunda, 26 de julho de 2021
(67) 99874-0557
BANNER TOPO
VALORIZAÇÃO

Saca da soja bate os R$ 126 em MS e renova máxima histórica

Preço médio da saca, em agosto, está em R$ 118,70. Segundo SIGA, no comparativo com agosto do ano passado, houve avanço nominal de 64,75%

20 agosto 2020 - 07h49Por Agência Rural

No começo de 2020, talvez, nem mesmo o agricultor mais otimista arriscaria um palpite tão elevado. Entre os dias 10 e 17 de agosto, a saca de 60kg da soja recebeu ofertas de R$ 126,00 nos municípios de Campo Grande e Dourados. O valor nominal expressivo, segundo técnicos do sistema SIGA/MS, é reflexo das demandas externa e interna e do dólar, que vem favorecendo os preços no mercado doméstico. O aquecimento das exportações no período é outro fator que estimula a alta nos preços.

continua depois da publicidade
ANUNCIO IMPACT 728X60 INSERÇÃO 03 OK
continua depois da publicidade
ANUNCIO IMPACT 300X250 INSERÇÃO 03

Em apenas uma semana as cotações valorizaram 11,5% na capital e 11,61% em Sidrolândia, conforme dados divulgados, nessa terça-feira (18), pelo Boletim Casa Rural, do Sistema Famasul. No comparativo com agosto passado o preço médio da saca  teve avanço nominal de 64,75%. Nesta mesma época, em 2019, o preço médio da saca no estado era negociado a R$ 72,05.

Mas, como o produtor não tem como prever o futuro, nem como deixar de honrar com seus compromissos, a maioria não conseguiu desfrutar de negócios com ofertas tão generosas. A realidade é que Mato Grosso do Sul tem, hoje, cerca de 3% do estoque da última safra disponíveis nos armazéns, segudo levantamento de uma das maiores corretoras de grãos que operam no estado. Junto a este cenário soma-se uma informação que todos já sabem: soja da nova safra só no fim de janeiro de 2021 - no caso das variedades de ciclo produtivo mais precoce.

Esta combinação de fatores influenciou diretamente nas negociações dos contratos da safra 2020/2021. Números apurados pela corretora Granos, revelam que até o dia 17 de agosto, MS já havia comercializado 43% da nova safra. Isso representa avanço de 15 pontos percentuais, comparado ao mesmo índice apresentado em  agosto do ano passado para a safra 2019/2020.

Deixe seu Comentário

Leia Também

FINANÇAS
Com informação, orçamento familiar tem melhora de até 70% na rentabilidade
MERCADO INTERNACIONAL
Temor com variante delta eleva dólar para R$ 5,25
ANÁLISE CEPEA
Indicador do milho se aproxima de R$100/sc
ESPECIAL PUBLICITÁRIO
90 Anos da Fendt e 25 anos da transmissão vario
ANÁLISE CEPEA
Preço da soja volta a subir com força no Brasil
OPORTUNIDADE!
Embrapa realiza curso sobre pecuária de leite para jornalistas
ANÁLISE CEPEA
Geadas afastam vendedores do spot; Milho volta a se valoriza
ESPECIAL PUBLICITÁRIO
Aplicações com resina epóxi transformam cortes de madeira e até pedras em finas obras de decoração
SAFRA 2021/22
Ministério da Agricultura lança plano safra 2021/22 nesta terça-feira (22)
MERCADO INTERNACIONAL
Exportações de carne suína de Mato Grosso do Sul crescem 131% em 2021