Menu
Busca sexta, 18 de junho de 2021
(67) 99874-0557
Campanha Estapi Art 01 super banner
AVALIAÇÃO

Ampasul avalia desempenho do algodão em novas áreas do Estado

São 11 campos experimentais de demonstração espalhados por MS

03 fevereiro 2020 - 11h13Por Agro Agência*

A Associação Sul Mato-Grossense dos Produtores de Algodão (Ampasul) em parceria com produtores rurais e entidades de pesquisa, avalia o desempenho do algodão em diferentes áreas de Mato Grosso do Sul. Ao todo 11 campos experimentais foram semeados em 10 municípios, sendo alguns sem histórico da cultura e outros que avaliam o desempenho de diferentes variedades. Os primeiros resultados serão divulgados no início do segundo semestre de 2020.

continua depois da publicidade
JA Training

Os campos em Aral Moreira, Maracaju, Chapadão do Sul e Costa Rica, já possuem tradição no cultivo da fibra e avaliam diferentes cultivares. Juntos com os municípios de Bandeirantes, São Gabriel do Oeste, Antônio João, Ponta Porã, Nova Andradina e Dourados, somam mais de 6 hectares de campo experimental de demonstração.

“Estamos nos dedicando para apresentar resultados efetivos aos produtores rurais que têm a intenção de inserir o algodão para somar no sistema de produção da propriedade rural. Nas regiões que já cultivam a fibra a intenção é comparar o comportamento das cultivares, formas de manejo, produtividade e outros elementos que agregam à produção da fazenda. Nas demais, o primordial é a avaliação da aptidão do solo e condições climáticas para receber a cultura”, destaca o diretor executivo da Ampasul, Adão Antônio Hoffmann.

Fundação MS, Instituto Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS), Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD) e Embrapa são algumas das entidades de pesquisa que contribuem para a avaliação do desempenho dessas áreas, juntamente com empresas privadas, cooperativas e propriedades rurais.

*Agro Agência

Deixe seu Comentário

Leia Também

ANÁLISE CEPEA
Com baixa oferta de animais em peso de abate, preço do suíno vivo sobe
SUA LAVOURA MERECE!
Com 517 cv, Fendt 1000 Vario esbanja tecnologia e é considerado o maior trator monobloco do mundo
BIOTECNOLOGIA
Região Sul-Fronteira de MS é a que mais se dedica ao manejo biológico da soja
70 ANOS!
Eduardo Riedel confirma apresentação nos 70 anos do SRCG
ANÁLISE CEPEA
Alta externa eleva movimentação de soja nos portos brasileiros
MADEIRA
Com grande reserva de madeira, MS tem potencial de exportação para gigantes da celulose
RECURSOS HÍDRICOS
MS mantém destaque nacional no cumprimento de metas da ANA na gestão de recursos hídricos
ENERGIA
Semagro entrega licença de operação para usina inédita movida a biomassa de eucaliptos
TECNOLOGIA
Sem tratamento antifúngico adequado, pecuarista pode perder até um terço da silagem
ECONOMIA
Valor da Produção Agropecuária de 2021 deve ser 12,4% maior que o do ano passado