Menu
Busca domingo, 01 de agosto de 2021
(67) 99874-0557
ANUNCIO IMPACT 1260X200 INSERÇÃO 03
ECONOMIA

Tecnologia e ciência devem pautar agricultura, diz ex-ministro

Fórum do Futuro propõe pesquisa sobre limites de uso de biomas

27 novembro 2019 - 10h13Por Agência Brasil*

O Instituto Fórum do Futuro reúne nesta semana, em Brasília, um grupo de acadêmicos, formuladores, gestores públicos e privados com o objetivo de debater propostas para o desenvolvimento sustentável da agricultura no país, no Seminário Alimento e Sociedade. O instituto é presidido pelo ex-ministro da Agricultura Alysson Paulinelli, um dos responsáveis pelo processo de modernização da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) na década de 1970. Em entrevista à Agência Brasil, Paulinelli defendeu amplo estudo dos biomas brasileiros para nortear limites de uso no presente e no futuro. 

continua depois da publicidade
ANUNCIO IMPACT 728X60 INSERÇÃO 03 OK
continua depois da publicidade
Campanha Estampi Art 01 Square Banner

"Esse esforço é no sentido de fazer com que o Brasil conheça os seus biomas, os seus limites de uso, para definir bem o que pode e o que não deve ser usado, qual a tecnologia que garante a manutenção dos recursos naturais e, logicamente, a sua estabilidade ecológica. Quem vem primeiro é a ciência e tecnologia", afirma.       

O evento é de participação gratuita e será realizado nesta quarta (27) e quinta-feira (28), no Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura (IICA), na capital federal. Está prevista a presença de ex-ministros, além de representantes da Embrapa, de universidades públicas e do setor empresarial. A ministra Tereza Cristina (Agricultura) é uma das presenças aguardadas para o painel de abertura. A programação do evento prevê debates sobre questões como a pesquisa agroalimentar, o uso de agrotóxicos, controle biológico, a água, p desperdício de alimentos, a biotecnologia, entre outros.

Um dos destaques do seminário é a apresentação de resultados do projeto-piloto Biomas Tropicais, desenvolvido pelo Fórum do Futuro, para analisar possibilidades e limites de uso dos recursos naturais. A primeira etapa foi concluída a partir de uma pesquisa no cerrado e o instututo pretende fazer parceria com entes públicos e privados para expandir a pesquisa aos demais biomas brasileiros. 

"Quando pensamos em fazer esse estudo, foi pensando em fazê-lo em rede, por meio de co-working, trazendo cientistas, e trabalhar nesse foco de usar um recurso natural conhecendo seus limites e, principalmente, as tecnologias que te permitem mexer nesse recurso com garantia de sustentabilidade", afirma Paulinelli.

*Fonte: Agência Brasil

Deixe seu Comentário

Leia Também

ESPECIAL PUBLICITÁRIO
Fendt IDEAL: nenhuma outra colheitadeira oferece mais tecnologia e potência
SISTEMAS ALIMENTARES
Combate à fome e papel das mulheres na produção de alimentos são temas de evento em Roma
SEGURANÇA ALIMENTAR
PAA já entregou mais de 570 toneladas de alimentos para doação em MS
ANÁLISE CEPEA
Queda externa interrompe movimento de alta dos preços da soja no Brasil
ECONOMIA
MS se mantém na liderança da exportação de tilápia no primeiro semestre de 2021
FINANÇAS
Com informação, orçamento familiar tem melhora de até 70% na rentabilidade
MERCADO INTERNACIONAL
Temor com variante delta eleva dólar para R$ 5,25
ANÁLISE CEPEA
Indicador do milho se aproxima de R$100/sc
ESPECIAL PUBLICITÁRIO
90 Anos da Fendt e 25 anos da transmissão vario
ANÁLISE CEPEA
Preço da soja volta a subir com força no Brasil