Menu
Busca sexta, 18 de junho de 2021
(67) 99874-0557
Campanha Estapi Art 01 super banner
PLANO SAFRA

Recursos do Plano Safra para MS atendem demanda e garantem investimentos na agricultura

Dos R$8,2 bilhões anunciados, R$ 200 milhões são para a agricultura familiar e R$ 8 bilhões para os demais produtores

11 julho 2019 - 15h00Por *SEMAGRO

Os R$ 8,2 bilhões do Plano Safra de 2019 destinados a Mato Grosso do Sul “, junto com a ampliação do seguro safra, são suficientes para atender o aumento da demanda por financiamentos agrícolas no Estado e são garantidos em um momento importante para, dando continuidade a uma série de investimentos fundamentais para a agricultura sul-mato-grossense”.

continua depois da publicidade
JA Training

Esse foi o comentário do secretário Jaime Verruck, da Semagro (Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar), no anúncio oficial feito pelo Banco do Brasil, realizado na segunda-feira (8), em solenidade que contou com a presença do governador Reinaldo Azambuja, da ministra da Agricultura, Tereza Cristina, do superintendente estadual do Banco do Brasil, Sandro Jacobsen Grando, do diretor de Agronegócio, Marco Túlio Moraes da Costa e o secretário adjunto da Semagro, Ricardo Senna.

Dos R$8,2 bilhões anunciados, R$ 200 milhões são para a agricultura familiar e R$ 8 bilhões para os demais produtores. “Pela primeira vez tivemos o lançamento conjunto com a agricultura familiar. Da mesma forma como a ministra Tereza Cristina ressaltou, o governo do Estado entende que não pode haver diferenciação. Existe sim, um conjunto de produtores que produz commodities e outro que produz alimentos para a mesa do brasileiro. O que difere é o tamanho da propriedade e não a forma de trabalhar, de olhar. Existe uma agricultura só”, comentou Jaime Verruck.

De acordo com o secretário, “Mato Grosso do Sul está preparado para produzir e o Banco do Brasil trabalha para a aplicação de 100% dos recursos. Com o plano safra, o produtor tem boas opções de financiamento, permitindo ser competitivo, com ganho de produtividade e atendendo ao mercado externo e interno”, finalizou.

Demanda Nacional

No Plano Safra 2019/2020, o governo reservou R$ 225,59 bilhões para o plano agrícola e pecuário e mais do que dobrou o seguro rural, que alcança a cifra inédita de R$ 1 bilhão. A subvenção do crédito dos pequenos produtores terá mais verbas, e os médios produtores serão beneficiados com aumento de 32% nas verbas de custeio e investimento, taxas compatíveis com o seu negócio.

Também pela primeira vez, os pequenos agricultores vão poder usar recursos do Plano Safra para construir ou reformar suas casas. Serão destinados R$ 500 milhões para esse fim, pleito antigo do setor rural. Com estes recursos, será possível construir até 10 mil casas. E outra boa novidade é que o agronegócio passa a ter mais opções de financiamentos em bancos.

Já os beneficiários do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) têm R$ 31,22 bilhões à disposição para custeio, comercialização e investimento. Também estão garantidos recursos de custeio para produção de alimentos básicos: arroz, feijão, mandioca, trigo, leite, frutas e hortaliças e para investimento na recuperação de áreas degradadas, cultivo protegido, armazenagem, tanques de resfriamento de leite e energia.

*Fonte: SEMAGRO

Deixe seu Comentário

Leia Também

ANÁLISE CEPEA
Com baixa oferta de animais em peso de abate, preço do suíno vivo sobe
SUA LAVOURA MERECE!
Com 517 cv, Fendt 1000 Vario esbanja tecnologia e é considerado o maior trator monobloco do mundo
BIOTECNOLOGIA
Região Sul-Fronteira de MS é a que mais se dedica ao manejo biológico da soja
70 ANOS!
Eduardo Riedel confirma apresentação nos 70 anos do SRCG
ANÁLISE CEPEA
Alta externa eleva movimentação de soja nos portos brasileiros
MADEIRA
Com grande reserva de madeira, MS tem potencial de exportação para gigantes da celulose
RECURSOS HÍDRICOS
MS mantém destaque nacional no cumprimento de metas da ANA na gestão de recursos hídricos
ENERGIA
Semagro entrega licença de operação para usina inédita movida a biomassa de eucaliptos
TECNOLOGIA
Sem tratamento antifúngico adequado, pecuarista pode perder até um terço da silagem
ECONOMIA
Valor da Produção Agropecuária de 2021 deve ser 12,4% maior que o do ano passado