Menu
Busca segunda, 26 de julho de 2021
(67) 99874-0557
BANNER TOPO
AGRONÉGOCIO

Após adquirir fatia da Bayer, BASF quer lançar 30 soluções até 2030

A estratégia é expandir a atuação na área de sementes e atender agricultores conforme as necessidades de cada região

07 novembro 2019 - 09h13Por Priscilla Peres*

A Basf pretende fazer 30 lançamentos, entre soluções de proteções de cultivo e traits, além de dezenas de variedades de algodão e soja até 2030 no Brasil. A estratégia é expandir a atuação na área de sementes e atender agricultores conforme as necessidades de cada região. Com isso, a empresa pretende ampliar as vendas em 50%.

continua depois da publicidade
ANUNCIO IMPACT 728X60 INSERÇÃO 03 OK
continua depois da publicidade
Campanha Estampi Art 01 Square Banner

Há pouco mais de um ano a Basf investiu R$ 33 bilhões na aquisição de negócios de sementes e herbicidas da Bayer e iniciou um novo ciclo de negócios, entrando no mercado de pesquisa, produção e comercialização de sementes de soja e algodão. 

Em visita ao Brasil, o presidente global da Divisão de Soluções para a Agricultura Basf, Vicent Gros, afirmou que aquisição de negócios da Bayer é um “passo fundamental para a BASF. Um marco que amplia a carteira, a capacidade de atendimento aos clientes e que está moldando os negócios da empresa”. 

Os investimentos foram feitos também nos centros de pesquisa da Basf no Brasil. Em Trindade, Goiás, foram injetados R$ 60 milhões na infraestrutura de pesquisa. No Centro de Pesquisa de Santo Antônio de Posse, em São Paulo, o aporte foi de R$ 40 milhões para ampliação e modernização de laboratórios. 

Estes são dois centros de pesquisas globais, que se unem a outras 16 unidades de pesquisa no Brasil. Segundo a Basf, as pesquisas são feitas considerando as características de cada região, como clima, pragas e necessidades. 

“Quando olhamos para as regiões vemos que as necessidades são diferentes e é por isso que temos nossa rede avançada de pesquisa que é exatamente para oferecer essas soluções estratégicas. Por exemplo, temos cinco estações de pesquisa para soja no Brasil, cada uma atende uma região do Brasil e nunca para todo o país”, destaca o Diretor de Sementes da BASF no Brasil, Hugo Borsari. 

A empresa quer lançar 28 novas soluções em proteção de cultivos até 2030 e aposta na tecnologia Xarvio Field Manager. Quer trabalhar com quatro novos ingredientes ativos, sendo herbicidas (com 6 novas soluções), fungicidas (11 novas soluções), inseticidas (7 novas soluções) e tratamento de sementes (5 novas soluções). 

Para a soja, serão duas traits com mais tolerância a ferrugem asiática e nematoides e 80 variedades, incluindo tecnologia Intacta2Xtend e variedades para os novos traits. Em relação ao algodão, serão quatro traits, com lançamentos entre 2021 e 2022 de Algodão TLP, com manejo de resistência de plantas daninhas no sistema produtivo e mais 35 variedades com lançamentos em 2020, sendo FM 911 GLTP de ciclo curto e FM 974 GTL de ciclo longo.

Texto: Priscilla Peres
* A reporter viajou para Trindade (GO) a convite da BASF

Deixe seu Comentário

Leia Também

FINANÇAS
Com informação, orçamento familiar tem melhora de até 70% na rentabilidade
MERCADO INTERNACIONAL
Temor com variante delta eleva dólar para R$ 5,25
ANÁLISE CEPEA
Indicador do milho se aproxima de R$100/sc
ESPECIAL PUBLICITÁRIO
90 Anos da Fendt e 25 anos da transmissão vario
ANÁLISE CEPEA
Preço da soja volta a subir com força no Brasil
OPORTUNIDADE!
Embrapa realiza curso sobre pecuária de leite para jornalistas
ANÁLISE CEPEA
Geadas afastam vendedores do spot; Milho volta a se valoriza
ESPECIAL PUBLICITÁRIO
Aplicações com resina epóxi transformam cortes de madeira e até pedras em finas obras de decoração
SAFRA 2021/22
Ministério da Agricultura lança plano safra 2021/22 nesta terça-feira (22)
MERCADO INTERNACIONAL
Exportações de carne suína de Mato Grosso do Sul crescem 131% em 2021